Texto: Olga Liotta
Imagens: Sérgio Gobatti
 

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano (Sehdu), está canalizando o Braço Morto do Tietê. A obra integra a urbanização do Jardim Rochdale, por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), retomada na atual gestão, e que traz serviços de infraestrutura, drenagens e construção de passagens. 

Desde agosto a prefeitura está realizando a escavação do terreno e a montagem das estruturas de concreto pré-moldado (aduelas) no trecho, que compreende a Avenida Paula Rodrigues, na altura do Parque Piratininga, seguindo em direção ao trecho da Viela Um, no cruzamento com a Avenida Lourenço Belloli, no Baronesa.

O córrego tem 2.450 metros de extensão e a previsão de conclusão da canalização é para dezembro do ano que vem.