Ação tem como objetivo principal inserir no mercado de trabalho pessoas em situação de vulnerabilidade social

 

 

Texto: Renato Ferreira
Foto: Ítalo Cardoso

 

Na segunda-feira, 30/10, a Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão (SDTI), lançou o Projeto Osasco Integra, no Centro de Formação dos Professores. Já regulamentado pelo prefeito Rogério Lins, o projeto foi instituído pelo decreto Nº 11.544/2017.

O Osasco Integra não é uma política assistencialista, mas, sim  um projeto intersetorial, que envolve o trabalho conjunto do poder público, iniciativa privada e sociedade civil. Isso possibilita a execução de políticas sociais, com ações capazes de promover uma Osasco mais equânime, com igualdade de oportunidades para todos os trabalhadores, indepedentemente, de sua condição social.

Esta nova política social da Prefeitura de Osasco propõe ações e estratégias que visa fomentar e ampliar o acesso ao trabalho, emprego e geração de renda aos segmentos sociais de alta vulnerabilidade e exclusão social; É o caso, por exemplo, das pessoas em situação de rua, população LGBT+, imigrantes, egressos do sistema prisional e outras parcelas da população que necessitam de assistência do poder público. São pessoas que, geralmente, enfrentam mais dificuldades nos processos de inserção e reinserção no mercado de trabalho.

Os interessados em fazer parte do programa e/ou obter mais informações podem entrar em contato com a equipe gestora do Osasco Integra através do e-mail: osascointegra.sdti@osasco.sp.gov.br.

Após agradecer ao grande público que lotou o auditório do Centro de Formação dos Professores, ao apoio do prefeito Rogério Lins e, principalmente, aos empresários presentes, a titular da SDTI, Dulce Helena, afimou que o projeto Osasco Integra é uma proposta criada para enfrentar um problema verificado em todo pais.

“Não podemos fechar os olhos e achar que essa populção não pertence à sociedade. O acesso ao trabalho é um direito de todos e condição básica para que todos os indivíduos participem ativamente do cotidiano de nossa cidade. E nós, representantes do Poder Executivo, temos o dever de garantir as ferramentas básicas para que essas pessoas consigam se inserir no mundo do trabalho", afirmou Dulce Helena.

Falaram também sobre a importância do projeto, o secretário da Habitação, Marco Antonio Vilela; o vereador Dr. Renato Bonin, que apresentou projeto semelhante no Legislativo; e o Juiz de Direito, Dr. Samuel Karasin, Diretor do Fórum de Osasco e resonsável pela Vara da Criança e do Adolescente. "Parabenizo o Executivo por esse projeto. Dentre outras ações, o Osasco Integra dará oportunidade aos adolescentes osasquenses que estão ou que já passaram por medidas socioeducativas na Fundação Casa. Não passam de 300. Então fico pensando, se a segunda economia do Estado não consegue cuidar desses poucos adolescentes, não tem condições de cuidar de mais nada", enfatizou o Juiz de Direito.

Por sua vez, o prefeito Rogério Lins, agradeceu a todos que colaboraram com a elaboração e criação do Projeto, salientando que a Prefeitura de Osaso será a primeira a dar o exemplo e proporcionar oportunidade de trabalho à popularação em alta vulnerabilidade. "Agradeço pelo trabalho de todas as secretarias envolvidas nesse projeto, sem o qual não estaríamos aqui fazendo o lançamento do Osasco Integra. E de forma especial, agradeço a todos os empresários que já firmaram esse compromisso conosco, pois, sem as empresas seria impossível a execução desse projeto tão importante para a sociedade. Mas, deixo claro também que a Prefeitura fará a sua parte para proporcionar a todos esse acesso de inserção e reinserção ao mercado de trabalho", afirmou Rogério.

Participaram também do evento os secretários Délbio Teruel (Esporte), Francisco Cordeiro (IMPO), José Bento (Comunicação), Suzete Franco (Assistência e Promoção Social); e Ana Paula Rossi (Educação); os vereadores Josias da Juco, Rogério Santos, De Paula e Toniono; Gilmara Russafa (Presidente da Associação Camila); Vera Lopes (Presidente do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial), e representantes das seguintes empresas parceiras do Projeto: Hotel Ibis, Brinco Alimentos, Centro Serviços, InfoPreta, Arte Oeste, Unifieo, DML, Prepara, Trasix, Instituto Levi de Lima, Instituro Mônica Pina, Hospital Cruzeiro do Sul, Grupo ABS, SESC e SENAC.

 

 

Secretaria de Comunicação Social
Av. Bussocaba, 300 - CentroCEP: 06023-901 - Osasco/SP

Telefone: (11) 3652-9456
E-mail: imprensa@osasco.sp.gov.br
Site: www.osasco.sp.gov.br