Texto: Marco Borba
Imagens: Ítalo Cardoso
 

A noite de quinta-feira, 8/11, foi de celebração para 37 famílias da área conhecida como “Vila Bela”, no bairro São João da Bela Vista, na zona Norte. É que elas receberam das mãos do prefeito de Osasco, Rogério Lins, os títulos definitivos de propriedade dos lotes em que vivem. A área, hoje totalmente urbanizada, era pública e no passado havia sido invadida.

A cerimônia, da qual também participaram a primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Aline Lins, secretários municipais, secretários adjuntos e vereadores, aconteceu na EMEF Professor Alípio da Silva Lavoura (Rua Guilherme Luiz de Carvalho, 81).

Além da garantia da propriedade aos herdeiros, a entrega de títulos traz outros benefícios aos moradores como a valorização do imóvel e garantia para obtenção de financiamentos de material de construção. A iniciativa integra as ações de regularização fundiária da prefeitura.

“Um pai não fica sossegado enquanto não garante a segurança de sua família, isso inclui uma moradia. Com a regularização, haverá essa tranquilidade porque agora vocês terão a segurança de que o imóvel é de vocês”, disse Rogério Lins.

Durante o ato, o prefeito falou de algumas ações de sua gestão, entre as quais os frequentes feirões de emprego promovidos pela Secretaria de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão, o aumento em 77% dos investimentos em segurança, com a instalação de novas câmeras de segurança, novas viaturas, motos e equipamentos para a Guarda Civil Municipal, além da contratação de 200 novos guardas, e a futura entrega das primeiras 380 moradias (de um total de 960) do Conjunto Habitacional Miguel Costa, em Quitaúna.

Na sequência, o chefe do Executivo participou de reunião do Conselho Municipal de Segurança (Conseg), que aconteceu na Escola Estadual Antônio Carlos Trindade, na Vila Ayrosa. No encontro, Lins repetiu o reforço no orçamento direcionado à área de segurança e também a contratação de pediatras para atendimento 24 horas no Pronto-Socorro do Jardim Rochdale e da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Vila Menck, bairros próximos à Vila Ayrosa, São João da Bela Vista, Jardim D’Ávila e Jardim Mutinga.  

“Embora a segurança seja atribuição do governo do Estado, em Osasco trabalhamos em parceria com a Polícia Militar na tentativa de garantir mais segurança às famílias”, pontuou Lins.